Fale conosco

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Notícias
13.03.2018
Vem aí o Fórum Social Mundial 2018: Vamos, sem medo, construir a resistência

Com o lema “Resistir é criar, resistir é transformar”, a décima terceira edição do Fórum Social Mundial terá como sede a cidade de Salvador, e ocorrerá entre os dias 13 e 17 de março. O FSM 2018 terá entre os seus temas centrais a luta dos povos, territórios e movimentos de resistência. Logo na terça-feira, a programação terá início com uma grande marcha pelas pelo Centro da capital baiana, onde existe a expectativa de que 50 mil pessoas ocupem as ruas com suas bandeiras e suas pautas de reivindicação.

Ao longo de toda sua trajetória de quase 20 anos, o FSM se constituiu como um espaço de resistência, e de convergência de militâncias com as mais diversas bandeiras e programas. O que se espera é que essa mais nova edição mantenha essa tradição, ainda mais no quadro atual onde o Brasil vive os efeitos do golpe de 2016, que tem gerado como consequência a imposição de uma agenda regressiva de retirada de direitos sociais e de ataque as liberdades democráticas. Justamente por isso, o FSM 2018 será também um espaço de debate sobre que tipo de projeto para o Brasil as lutadoras e lutadores, da cidade e do campo, devem desenvolver para fortalecer a resistência em defesa dos direitos sociais e para frear o avanço do conversadorismo.

Um grande ato, que vem sendo divulgado com o tema “Em defesa das democracias”, ocorrerá na quinta-feira no estádio de Pituaçu, e contará com a presença de Lula, ativistas e lideranças políticas de toda América latina, como os ex-presidentes Mujica e Zelaya (Uruguai e Honduras). Diante da iminente possibilidade de prisão do ex-presidente Lula, condenado sem provas por Sergio Moro no que se constituiu num segundo ato do golpe e verdadeira intervenção judicial nos rumos da corrida eleitoral, este ato é uma oportunidade de cerrarmos fileiras contra a escalada reacionária da judicialização da política. Não é por coincidência que a UFBA, que sediará as atividades do FSM, está também sob ataque. Na última semana, o reitor João Carlos Sales e o professor Carlos Zacarias foram a intimados a depor perante a justiça. O “crime” de ambos e de outros 21 professores e professaras? A oferta da disciplina “O golpe de 2016 e o futuro da democracia no Brasil”.

No entanto, se juntos com o PT devemos lutar contra a prisão de Lula e pelo seu direito democrático de disputar as eleições, é preciso avançar na urgente tarefa de construir uma alternativa de esquerda que supere o lulopetismo. Nesse sentido, um espaço privilegiado do FSM 2018 será a Tenda Sem Medo, organizada pelo ativismo que constrói a Frente Povo Sem Medo na Bahia. Será nessa Tenda, na manhã da quinta-feira dia 15, que ocorrerá o debate “Os desafios da esquerda em 2018” com a presença dos pré-candidatos do PSOL a presidência, Guilherme Boulos e Sônia Guajajara. Ao longo de todos os dias do FSM, a programação da Tenda Sem Medo acolherá discussões sobre a guerra às drogas, o racismo, o encarceramento em massa e genocídio da juventude negra, a luta contra o machismo, as lutas da juventude e também muita cultura com artistas da cena alternativa que estão juntos, sem medo, construindo a resistência.

Se você é de Salvador, ou vem pra capital baiana essa semana, o FSM 2018 te espera, e a Tenda Sem Medo estará de braços abertos para todas e todos que queiram somar na resistência.

Confira a programação completa da Tenda Sem Medo:

Terça-feira, 13/03

15hs – Grande Marcha de abertura do FSM 2018

Quarta-feira, 14/03

9hs-13hs – Agenda Nacional pelo Desencarceramento

14hs-16hs – Vamos América Latina! Sem Medo de Avançar.

16hs-18hs – Juventude Sem Medo com Boulos.

19hs-21hs – Guerra às drogas, intervenção militar e extermínio da juventude negra

22hs – Cultural

Quinta-feira, 15/03

9hs-12hs – Os desafios da esquerda em 2018. Com Guilherme Boulos e Sônia Guajajara.

13hs-15:30hs – Afronte os retrocessos na educação!

16hs-18hs – Passeata dos cem mil e junho de 2013.

18hs-21hs – O que está em jogo em 2018? Um debate sobre a situação política do Brasil

22hs – Cultural

Sexta-feira, 16/03

9hs-12hs – Assembleia mundial de mulheres (Fora da tenda)

13hs-16hs – Debate: Mulheres sem Medo!

16hs-19hs – Vamos de preto.

19hs – Sarau da Resistência.

Foto: Divulgação FSM

 

Fonte: Esquerda Online

CUT DIEESE FNU
Nosso endereço:
Rua General Labatut, Nº 65, Barris, Salvador - Bahia - Brasil.
CEP.: 40070-100 - Tel.: *71 - 3111-1700* - Fax.: 71 3013-6913 secretaria@sindae-ba.org.br
Viewnet