Fale conosco

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Gota D'água
12.11.2018
Sindicalista assassinado. É o Brasil sob o império da violência política

Se já tinha embarcado no tenebroso túnel da violência, decorrente do tráfico de drogas e da desigualdade social, a partir da última campanha eleitoral o Brasil pisou fundo no acelerador rumo a um cenário de guerra urbana e rural associada ao ódio político, ao ódio de classe.

Todos os sinais de alerta foram ligados após um número interminável de ameaças, agressões, tiros e assassinatos. Já tivemos sindicatos invadidos e assistimos o crescente número de ameaças, agressões físicas, prisões arbitrárias e até assassinatos, como o do artista e mestre de capoeira, Moa do Katendê. Na última quinta (8) também foi assassinado o sindicalista Aroldo Pereira de Souza, de 47 anos, presidente do Sindicato dos Servidores Públicos de Central, município baiano da região de Irecê. Dias antes tinha liderado uma paralisação que cobrava salários atrasados e, no dia em que morreu, teria audiência judicial para tratar desse assunto. Para a polícia, o crime foi político. O crime causou revolta na população, que fez manifestações nas ruas.

CUT DIEESE FNU
Nosso endereço:
Rua General Labatut, Nº 65, Barris, Salvador - Bahia - Brasil.
CEP.: 40070-100 - Tel.: *71 - 3111-1700* - Fax.: 71 3013-6913 secretaria@sindae-ba.org.br
Viewnet