Fale conosco

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Baixe o Gota D'água
Gota D'água
12.06.2018
Economia andando para trás: construção civil perde empregos

Um dos melhores termômetros da economia é a construção civil, setor que emprega muita mão-de-obra. Pois, pelo terceiro ano consecutivo, o número de trabalhadores (as) baianos (as) nesse setor sofreu redução, conforme dados da Pesquisa Anual da Indústria da Construção (PAIC) 2016, divulgada na quinta (7) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O total de trabalhadores chegou a 102,4 mil dois anos atrás, menor contingente desde 2008. Foram menos 16.597 pessoas ocupadas (baixa de 13,9%) em relação ao ano anterior.

Ainda de acordo com o IBGE, o número de pessoal ocupado na construção civil cai anualmente desde 2014 e já acumula saldo negativo de 80,8 mil trabalhadores (as). O patamar mais baixo desde 2008 foi atingido em 2016, acompanhando um movimento de queda que acontece a nível nacional.

O setor empresarial da construção civil também encolheu pela primeira vez depois de nove anos de crescimentos. Das 3.009 empresas da área atuantes no estado em 2015, 13,3% encerraram suas atividades na passagem para 2016, e o total daquelas que continuaram ativas recuou para 2.610.

CUT DIEESE FNU
Nosso endereço:
Rua General Labatut, Nº 65, Barris, Salvador - Bahia - Brasil.
CEP.: 40070-100 - Tel.: *71 - 3111-1700* - Fax.: 71 3013-6913 secretaria@sindae-ba.org.br
Viewnet