Gota D'água

ELEIÇÕES 2019 – SINDAE: Categoria elege nova diretoria para a gestão 2019/2022, dando mais uma demonstração de força e união

25/09/2019

ELEIÇÕES 2019 – SINDAE: Categoria elege nova diretoria para a gestão 2019/2022, dando mais uma demonstração de força e união
FOTO: ACERVO SINDAE

Temos mais um importante registro sobre a garra e superação política na história do Sindae: de forma transparente e legítima, e mesmo num ambiente de tanta coisa ruim acontecendo no Brasil e em especial para a classe trabalhadora, com gente desesperada, deprimida, desempregada ou ameaçada de perder o emprego, e sob intenso bombardeio nos sindicatos, eis que outra vez a nossa categoria se levanta e mostra que tem um estoque enorme de energia, fé e determinação.

Ela pegou o ditado "mexeu com um, mexeu com todos" e foi a campo. Juntou a tradicional coragem, fez uma grande corrente de mobilização, calou vozes de desagregação e transformou o que era difícil numa grande vitória: foi às urnas e com 3.078 votos escolheu a nova Diretoria e o novo Conselho Fiscal do Sindae para a gestão 2019 / 2022.

Da votação participaram nada menos do que 60,25% dos que estavam aptos a votar. A votação na chapa da Diretoria (LUTAR UNID@S, VENCER JUNT@S) teve 2.881 votos (93% dos votos válidos), enquanto a do Conselho Fiscal (TRANSPARÊNCIA E RESPONSABILIDADE – LUTAR UNIDOS, VENCER JUNTOS) obteve 2.810 votos (91% dos votos válidos). Foram registrados apenas 146 votos em branco e 51 nulos.

Provas de determinação da categoria? Anote algumas: tivemos urna com votação maciça de filiados (as), além de receber votos de quem votou em separado (de quem estava em local de trabalho diferente do dele), eleitores que percorreram mais de 80 quilômetros em estrada de terra para chegar até a urna, gente que entrou em rio (num banco de areia do Rio São Francisco em Bom Jesus da Lapa) para coletar votos de analistas e técnicos que monitoravam a qualidade da água. Teve até quem foi votar mesmo doente... 

Do começo ao fim o processo eleitoral foi transparente, com a apuração sendo transmitida ao vivo pela internet, diretamente de nosso auditório, conferindo ainda mais legitimidade às eleições. Infelizmente, o único incidente triste foi a não contagem da urna de Paulo Afonso, que foi impugnada por não ter chegado dentro do prazo previsto pela Comissão Eleitoral em virtude de um atraso da empresa transportadora. Agora é aguardar outro momento: a posse dos (das) eleitos (as) será em 25 de outubro.

Após declarada a eleição dos novos dirigentes pela Comissão Eleitoral, o agora eleito novo Coordenador Geral do Sindae, Grigorio Rocha (atual secretário da entidade), agradeceu a participação dos mais de três mil eleitores (as) no processo e reafirmou o compromisso pautado no trabalho coletivo. Lembrou que o cenário é desafiador e que “a luta exigirá mais união da categoria, com reforço nos laços de solidariedade de classe. Precisamos estar juntos e ninguém solta a mão de ninguém”, afirmou ele.

Lembrou que a gestão vai lutar por avanços nos acordos coletivos, melhores condições de trabalho, por mais saúde e pela manutenção da água como bem público essencial à vida, resistindo à privatização do saneamento.

A Diretoria do SINDAE reconhece e agradece o esforço e engajamento de um grande batalhão que enfrentou de tudo para fazer esse processo eleitoral vitorioso. Agradece a categoria, a Comissão Eleitoral, os (as) mesários (as) e presidentes das mesas coletoras de votação e das mesas de apuração, funcionários (as) do próprio Sindicato, ex-dirigentes sindicais, aposentados (as) e companheiros (as) que de todas as formas colaborarem com a eleição.